Sponsor Advertisement

Labels

Ads 468x60px

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Planeta Hulk - Critica Geek Azores

Sim claro, eu já conhecia a historia e também já tinha visto o filme de animação da Marvel (que é muito bom), mas tê-lo nas mãos, lê-lo, isso nunca. Foi a maravilhosa descoberta de uma historia que eu já sabia ser boa.
Hulk, o volátil herói mais forte que tudo, pousa uma ameaça séria sobre o mundo, ou assim pensam alguns - uma faca de dois gumes -, e por isso, Dr Xavier; Dr. Strange; Iron Man, Senhor Fantástico e os restantes Illuminati decidem bani-lo da Terra; no entanto, algo corre mal, e invés de um planeta pacifico e desabitado de vida inteligente, como tinham planeado, Hulk vai parar ao planeta Shakar, onde enfraquecido é obrigado a lutar como gladiador até uma rebelião contra o sistema governante se formar à sua volta.
Para todos os fãs de comics, este é um livro a ter, recomendo; tornou-se um dos meus preferidos, junta os melhores elementos de ficção cientifica com fantasia num comic de super-heróis - perfeito. Não é um comic muito otimista, existem algumas mortes importantes, dor e sacrifício ao longo de todo o livro. O Hulk tinha meu respeito, nunca sendo um dos meus super-heróis preferidos, um herói acidental refém da sua a raiva, um bom homem tornado monstro (quase irracional), uma força imparável e desumana, tem agora a minha admiração.
O Hulk, quanto a mim, ganha muito como personagem nesta historia, ganha camadas, não é só o monstro desmiolado, é um guerreiro, um líder, consegue ser terno e também implacável, estrategista, inteligente (sim, também), e é uma vitima.
É impossível acabar de ler o Planeta Hulk e não salivar por ler Hulk Contra o Mundo (World War Hulk).



(potenciais Spoilers, abaixo, para o filme a estrear Thor Ragnorok, ficam avisados)

Segundo rumores, vai haver uma breve abordagem a esta historia. Thor, a quem vão remover o seu martelo, é exilado para o planeta Shakar, obrigado a combater numa arena de gladiadores, vencendo um após outro, e é aí que encontra o campeão: Hulk.



2 comentários:

  1. Tens toda razão: esta foi uma das melhores histórias do Hulk nas últimas décadas. E Hulk contra o mundo fica pouco atrás.

    Não sabia sobre Thor Ragnarok. Seria muito interessante ver isto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao que parece, existem alguns problemas de estúdios que impedem um filme de Hulk a solo, esta vai ser a melhor maneira de o incorporar num cenário longe dos Vingadores e ao mesmo tempo dar aos fãs uns vislumbro do Planeta Hulk. Nada confirmado ainda.

      Eliminar

Tiago Dutra

A minha foto

Quantas vezes ouvi: "Já não tens idade para isso". E enquanto me tentava encaixar no que julgavam certo, largava o que era certo para mim, uma luz foi-se extinguindo. Foi só quando me aceitei por quem sou: um geek, que abracei a imaturidade dentro do meu corpo já adulto, é que me permiti ficar mais solto, ganhar liberdade, ser mais feliz. 
Eu gosto de comics, adoro cinema, aprecio arte de fantasia, adoro escrever, primeira paixão foi a TV, ainda vejo animação, gosto de historia: meus escapes. 
Ser geek não é usar óculos e ser franzino, esse é o estereotipo, ser geek é viver com paixão aquilo que gostamos; podemos todos ser geeks. 
Dar asas à minha imaginação e criatividade, ser eu mesmo,permitiu-me realizar sonhos: publiquei o livro “Terra Antiga o Duelo”; participei no livro “Contos ao Vento”. Minha primeira experiência na blogosfera: pensamento-indescoberto. Entrei nos Workshops de Pedro Chagas Freitas; tenho também um canal no youtube com o mesmo nome que este blogue.
Posso estar a envelhecer, mas enquanto me deixar ser imaturo, posso também, de uma maneira, ser jovem para sempre.

Geek Azores youtube (videos pessoais geek)
Geek azores blog (assuntos geek, escapes À realidade))